Enxaqueca é incluída pela OMS no rol de doenças mais incapacitantes

blog-image

Basta um dia estressante e uma noite maldormida, e lá está ela. Sortudo é quem nunca passou pelo incômodo de uma dor de cabeça — são mais de 150 os tipos já identificados, de acordo com estudos da Sociedade Internacional de Cefaleia e da Sociedade Brasileira de Cefaleia. Entre eles, um dos mais conhecidos é a enxaqueca, que vai além de um simples desconforto e interfere na qualidade de vida de quem precisa aprender a conviver com o problema.
leia mais




Mais de um terço dos brasileiros sentem alguma dor todos os dias

blog-image

Segundo um estudo feito pela Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor, 37% dos brasileiros convivem com a dor diariamente. Outra pesquisa, feita pelo Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), concluiu que 50% dos adultos com depressão, analisados na cidade de São Paulo, sofrem com alguma dor crônica.
leia mais






Como saber se sua dor de cabeça é, na verdade, enxaqueca crônica

blog-image

Você acha que é normal ter dores de cabeça muito fortes de vez em quando. A dor é tanta que fica difícil abrir os olhos, se mover, conversar com as pessoas e se concentrar. Quando você está estressado - e no caso das mulheres, no período menstrual - essas "super dores de cabeça" costumam acontecer mais. Mas geralmente, basta tomar um analgésico ou um cafezinho, e ela melhora. Não há com o que se preocupar, certo? Errado.
leia mais




Os benefícios da Acupuntura na ortopedia

blog-image

Para pacientes com doenças osteomusculares, a terapia funciona de forma rápida e eficaz, principalmente para dores crônicas, persistentes há mais de três meses. O número de sessões e o tempo de tratamento varia de acordo com o tipo de doença, resposta individual do paciente, idade e outras morbidades associadas.
leia mais


Conheça as principais doenças que podem ser adquiridas no ambiente de trabalho

blog-image

Hoje em dia, é comum que as pessoas passem mais tempo no trabalho do que em suas próprias casas, e isso merece atenção. A longa e exaustiva rotina profissional pode oferecer riscos à saúde, como o desenvolvimento de doenças crônicas. Muitas delas relacionadas à visão, pelo uso contínuo de computadores, e ortopédicas, pelos movimentos repetitivos das mãos, por exemplo.
leia mais


Mês da Mulher: 06 coisas que o público feminino precisa saber sobre dor

blog-image

Maio é o mês de homenagens à mulher, pelas suas batalhas e conquistas ao longo de anos em tantas frentes de atuação. Há muito identificadas como o sexo frágil, o fato é que há tempos elas têm mostrado que não é bem assim. Quando o assunto é saúde, elas são as mais acometidas por muitas doenças e também as que sofrem com dores provenientes destas doenças, mas também são as que melhor enfrentam suas interferências no dia a dia.
leia mais